quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Mesquita forma 92 alunos em curso de informática


FOTOS J.C. MARINHO 

A Prefeitura de Mesquita realizou na última quinta-feira, dia 22, a formatura de 92 alunos no curso de informática dos Telecentros da Jacutinga, Banco de Areia e Rocha Sobrinho. A atividade que teve duração de três meses, visa a inclusão digital e profissional dos alunos.

Estiveram presentes na cerimônia a secretária Municipal de Assistência Social e Trabalho (SEMAS), Márcia Brandão; o coordenador de Desenvolvimento da Tecnologia da Informação (CDTI), Paulo Renato e o coordenador dos Telecentros, Pedro Lacerda. Para Paulo Renato, a informática está cada vez mais presente na vida das pessoas. “Esse espaço faz a inclusão das pessoas no mercado e as tornam mais independentes. Elas não precisam mais pedir para os outros ligarem o computador e entrar na internet para elas. Agora, estão capazes de fazer isso e muito mais sozinhas”, afirma.
O curso prepara e especializa a população mesquitense de diferentes idades. Para a aluna Jeane de Lima, de 11 anos, o curso foi excelente. “Comecei fazendo o básico e hoje estou me formando no avançado. Os professores ensinam muito bem. Quem sabe, no futuro, não ganho meu próprio dinheiro ensinando”, disse entusiasmada.



sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Mesquita abre inscrições para Corte Momesca 2012



Falta pouco mais de três meses para o carnaval 2012, mas os tamborins já começam a esquentar o clima de folia em Mesquita. Já estão abertas as inscrições para o IV concurso Corte Momesca 2012 que irá eleger o Rei Momo, a Rainha, a Princesa e o Cidadão do Samba.


As inscrições do projeto, promovido pela Prefeitura de Mesquita através da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Semectel) foram estão abertas no último dia 20 de dezembro e vão até o dia 20 de janeiro de 2012. Os interessados devem procurar a sede da secretaria, na Avenida União, s/nº, Centro, (prédio anexo ao Tênis Clube de Mesquita) das 9h às 17h.


Os eleitos para a Corte Momesca 2012 ganharão vestimenta, adereços e complementos necessários para o bom desempenho de seu papel durante os festejos de carnaval em Mesquita, além de receber prêmio em dinheiro, o Rei Momo e a Rainha do Carnaval receberão a importância de R$ 1.400, a Princesa receberá o valor de R$ 1.100 e o Cidadão do Samba será premiado com R$ 500. Além da Coroa, os vencedores receberão faixa, tiara e brindes.


Podem se inscrever somente candidatos maiores de 18 anos e residentes na cidade há pelo menos dois anos. A inscrição é gratuita. No ato da inscrição é necessário levar documento de identidade com foto, comprovante de residência, currículo e uma foto 3×4. É vedada a participação de servidores públicos municipais sejam efetivos ou comissionados e prestadores de serviços, vinculados à Prefeitura.


De acordo com o edital, o concurso será realizado no dia 5 de fevereiro, às 10h, na Praça Secretária Elizabeth Paixão, no Centro de Mesquita. A escolha será feita por uma banca de jurados formada por cinco membros ligados às áreas de cultura, carnaval, comunicação, clubes de serviços, setor empresarial ou com relevada expressão e projeção na Cidade. Entre os requisitos necessários para competição estão: espírito carnavalesco, facilidade de comunicação com o público, simpatia e muito samba no pé. Mais informações sobre as normas do concurso estão disponíveis pelo telefone 3763-9803.



Mesquita elege novos conselheiros municipais

FOTO JC MARINHO

A Prefeitura de Mesquita elegeu na última quarta-feira, dia 21, os novos conselheiros que irão compor os conselhos municipais de Assistência Social (CMAS), dos Direitos dos Adolescente (CMDCA) 2011/2013 e do Trabalho e Renda de Mesquita.

Em cada conselho foram eleitos representantes do Poder Executivo e de organizações ou entidades ligadas a cada área. A cerimônia de posse foi realizada na Sala de Cinema Zelito Viana, na sede da prefeitura e contou com a presença de diversas autoridades, entre elas o presidente do Conselho Estadual de Assistência Social, Eloisa Mesquita, Márcia Brandão, secretária de Assistência Social e Trabalho de Mesquita, a coordenadora municipal de Conselho de Mesquita, Denise Rosendo, entre outros.

O objetivo dos Conselhos Municipais é a participação popular na gestão pública para que haja um melhor atendimento à população. A proliferação destes Conselhos representa um aspecto positivo ao criar oportunidades para a participação da sociedade na gestão das Políticas Públicas. Em Mesquita os mandatos dos conselheiros da CMAS será 2011/2014, do CMDCA para 2011/2013 e do Trabalho e Renda de Mesquita para 2011/2014.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Mesquita assina termo de compromisso para obras na Caixa D'Agua no bairro da Coréia

FOTOS; LUIZ ALAN


O prefeito de Mesquita, Artur Messias, apresentou na manhã desta sexta-feira, dia 16, o Termo de Compromisso junto a Caixa Econômica Federal, que disponibiliza R$ 24,7 milhões em recursos para investimentos na localidade da Caixa D'Água no bairro da Coréia. O encontro aconteceu na Sala de Cinema Zelito Viana e reuniu representantes da comunidade e do governo.

Serão realizados na comunidade da Caixa D'Água obras de pavimentação, drenagem, esgotamento sanitário, contenções, praças, espaços de convivência, unidade de saúde e unidades habitacionais, em 16 ruas. O projeto foi aprovado pelo Ministério das Cidades, através do Plano de Aceleração do Crescimento 2 (Pac2). O edital de licitação já foi divulgado e está marcado para o dia 16 de janeiro, nesse período as empresas poderão conhecer o projeto e a Caixa Econômica Federal ficará responsável pela analise do processo licitatório para autorizar o inicio das obras.
O prefeito Artur Messias, convidou a comunidade para participar do encontro para a licitação. “A obra é uma conquista dos moradores, buscamos recursos para apresentar mudanças para a comunidade local. Agora vocês da comunidade devem atuar junto ao governo para acompanhar as obras.”,afirmou.
Segundo Atur Messias, a mesma lógica de obras esta sendo adotada em todo o município de Mesquita. No bairro Maria Crsitina estão sendo construídas 462 unidades habitacionais, através do Programa Minha Casa Minha Vida do governo federal, para retirar familias que moram em áreas de risco. No bairro da Chatuba várias ruas já foram calçadas. “Atualmente na Chatuba só falta calçamento em apenas duas ruas. Esse processo de melhorias esta por toda parte”, disse o prefeito.

Natal das Famílias anima Mesquita

FOTOS: J.C. MARINHO

O Natal de Mesquita está a todo vapor. Hoje, dia 15, foi a vez do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) de Juscelino a ser contemplado no penúltimo dia da edição do Natal das Famílias. O evento foi realizado no Tênis Clube de Mesquita e contou com a presença de 408 famílias, totalizando mais de 1.500 pessoas.
Estiveram presentes o prefeito Artur Messias; o presidente da Câmara de Vereadores; André Tafarel; a secretária de Assistência Social, Márcia Brandão, além de diversas lideranças do governo. “Este é o sétimo ano que realizamos o Natal das Famílias, e desde o primeiro é um momento de celebração”, disse Artur Messias.

Durante a atividade, houveram apresentações do balé municipal, distribuição de brinquedos para as crianças, além de lanches e cestas básicas. Os adultos participaram de sorteios de utensílios domésticos e aparelhos eletrônicos. Para a moradora do bairro de Juscelino, Cláudia Moraes, 45 anos, “ todo ano eu participo, é muito bom para mim e para os meus filhos receber a cesta e os brinquedos. Faz toda a diferença”, comentou.

O momento mais esperado por todos foi a chegada do Papai Noel, que animou as crianças e desejou um Feliz Natal caloroso para todos. O Natal das Famílias será encerrado amanhã, dia 16, para as famílias do Cras de Banco de Areia, às 14h, no clube Proletário.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Mesquita reúne 500 famílias na festa de Natal

FOTOS LUIZ ALAN


Nesta quarta-feira, dia 14, Mesquita promoveu a festa de confraternização de Natal do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) de Rocha Sobrinho. O evento aconteceu através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho, reunindo 500 famílias assistidas pelo Cras.

O clima de alegria contagiou a todos. A festa contou com a participação do prefeito, Artur Messias, que entregou cestas básicas para as famílias. O evento também teve apresentações de dança do grupo Alfa do Projovem Adolescente e de Hip Hop do Programa Escola Aberta.

Segundo a secretária da Semas Márcia Brandão, é uma grande felicidade proporcionar a confraternização. “Estamos em nosso terceiro dia de evento. Muito trabalho, mas a satisfação é imensa. Desejo que no próximo ano a Semas possa estar atendendo a todos com mais serviços de assistência”, afirma.

A festa teve a tradicional distribuição de brinquedos pelo Papai Noel, para todas as crianças, além de lanches. Os adultos participaram de sorteios de diversos prêmios. Para dona de casa Josefa da Conceição, que foi premiada com um secador de cabelo, participar desta grande festa é muito bom. “Já participo há três anos. Receber a cesta de natal e os presentes é uma boa ajuda para minha família. Ano que vem, estarei aqui novamente”, disse empolgada.

Além da confraternização, a festa também reuniu representantes da Vigilância em Saúde de Mesquita que distribuíram panfletos informativos sobre a campanha 10 minutos Contra a Dengue, visando conscientizar a população sobre como combater o mosquito transmissor da dengue.

O Natal das Famílias está em sua 7º edição. Nesta semana estão sendo realizados os encontros nas cinco unidades dos Cras. Amanhã a festa acontece na Cras de Juscelino, a partir das 14h, e para encerrar com chave de ouro, na sexta-feira, dia 16, acontece à confraternização do Cras Banco de Areia, no Clube Proletário, também às 14h.

Mesquita está em ritmo natalino


FOTOS J.C. MARINHO


O prefeito Artur Messias (PT) abriu com chave de ouro as comemorações natalinas de Mesquita. O primeiro Natal das Famílias aconteceu nesta segunda, dia 12, para as famílias assistidas pelo Centro de Referência da Assistência Social (Cras) de Jacutinga, reunindo 500 pessoas.

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho (Semas) organizou ainda outros quatro encontros, que acontecerão no decorrer da semana para as famílias dos Cras da Chatuba, Rocha Sobrinho, Juscelino e Banco de Areia. No Natal das Famílias do Cras Jacutinga também estiveram presentes a secretária da Semas, Márcia Brandão, o presidente da Câmara de Vereadores, André Tafarel, além de diversas lideranças do governo.

O ponto alto do evento foi com a tradicional chegada do Papai Noel, havendo distribuição de brinquedos para todas as crianças,além de lanches, cestas básicas. Os adultos participaram de sorteios de eletrodomésticos e utensílios domésticos como ventiladores, pranchas de cabelo, lençóis, colchas, faqueiros e rádio relógio. Segundo a assistente social responsável pelo Cras Jacutinga, Rita de Cássia, o evento foi um sucesso. “As crianças se divertiram muito. Foi um momento de grande confraternização para os presentes”, afirma.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Mesquita realiza Caminhada Lilás


Fotos: J.C. Marinho


A Coordenadoria Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) de Mesquita promoveu na última sexta-feira, dia 9, a 2º Caminhada Lilás. A concentração para a caminhada aconteceu no bairro de Edson Passos e foi encerrada em ritmo de samba, com uma apresentação da cantora Tereza Onã, na Praça Elisabeth Paixão, no Centro de Mesquita.

A caminhada reuniu secretários e funcionários da prefeitura de Mesquita e contou também com a participação da população mesquitense. Está foi a 2º Caminhada Lilás promovida pela Comdim. Este evento encerrou a programação das ações pelos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher, que em Mesquita aconteceu de 25 de novembro a 9 de dezembro, e tem como objetivo criar um elo simbólico entre violência de gênero e direitos humanos.

Para a coordenadora da Comdim, Judite Mendonça a principal função da caminhada é levar a informação até as ruas do município. “Buscamos informar a todos sobre a importância da Lei Maria da Penha. A violência doméstica e familiar contra a mulher, não deve existir. O objetivo é eliminar todas as formas de discriminação social”, afirmou Judite.

Mesquita forma 40 alunos em curso de informática

 

Fotos: Edson Vinícius

Visando a qualificação profissional da população, a Prefeitura de Mesquita realizou hoje, dia 9 de dezembro, a formatura de 40 alunos no curso de informática básica do Telecentro da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Semctel).

A cerimônia aconteceu na sala popular de cinema Zelito Viana, às 15h, e contou com a presença da secretária da Semctel, Marcia Braga, do coordenador de Tecnologia da Informação, Paulo Renato de Souza, e da instrutora de informática do Telecentro da Semctel, Barbara Marqui. Para Marcia Braga, é uma grande alegria participar do evento. “Toda formatura é uma vitória. E se isso aqui é possível, devemos agradecer ao nosso prefeito Artur Messias e ao vice, Paulinho Paixão, que não medem esforços para trazer para Mesquita todas as ferramentas necessárias para termos dignidade e uma vida melhor”, disse ela.
Já Paulo Renato de Souza enfatizou sobre a importância de saber lidar com as novas tecnologias. “A internet é uma ferramenta que, se bem utilizada, pode ajudar muito no nosso dia a dia. Hoje todos vocês saem daqui com conhecimento suficiente para usufruir dos benefícios que a rede mundial de computadores oferece”, explicou.
Alunos, familiares e equipe estavam emocionados com a entrega dos certificados. E ao receber o seu diploma, a aluna Lucy Gonçalves, de 46 anos, declarou que esse foi o melhor curso que participou. “Me inscrevi em várias escolas particulares de informática, muitas famosas no mercado, mas abandonei pois as aulas não eram interessantes. Já o curso do Telecentro da Semctel é maravilhoso. Adorei e vou voltar para fazer a oficina avançada. O mercado de trabalho tem espaço para todos e eu quero me qualificar”, destacou a moradora do bairro de Santa Terezinha. Após a solenidade, todos participaram de uma confraternização com tema natalino.







quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Mesquita forma 56 alunos em cursos de manicure e corte e costura



A Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho de Mesquita (Semas), realizou nesta quarta-feira, dia 7 de dezembro, no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) de Juscelino, a formatura de 56 alunos dos cursos profissionalizantes de manicure e também de corte e costura, que é uma novidade no espaço.

O eventou contou com a presença da secretária da Semas, Márcia Brandão, da coordenadora do Cras de Juscelino, Vanessa Constant, da coordenadora do Cras de Santa Terezinha, Rafaela Provensano e das professoras Lucianete Silva e Letícia Lopes. Para a secretária Márcia, os cursos visam gerar renda para os alunos. Temos feito investimentos no espaço físico para dar melhores condições de ensino aos alunos. Estamos trabalhando para o sucesso dos cursos”, afirma.

Durante as aulas de corte e costura os alunos aprendem técnicas de modelagem e confecções de roupas masculinas e femininas. Já no curso de manicure, os alunos aprenderam a fazer design de unha, métodos de esterilização e como manusear material. Os cursos tem duração de três meses.

Durante a formatura, as alunas do curso de corte e costura usaram vestidos confeccionados por elas. Para a formanda Eliana Fernandes, de 59 anos, é sempre bom aprender mais. A força de vontade me fez querer me especializar na costura. Eu amo o que faço.”, comenta. Já para Simone Ferreira, do curso de manicure, a atividade é uma oportunidade preciosa. “Através do curso já consegui ganhar meu próprio dinheiro. Já estou fazendo unhas”, conclui.


terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Mesquita promove seminário para educadores da rede municipal

A Prefeitura de Mesquita, através da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), realizará, no dia 7 de dezembro, das 07h30 às 11h30, o seminário de encerramento do Curso de Formação Continuada para os professores dos anos iniciais do ensino fundamental. O evento, que tem como tema Práticas no Cotidiano Escolar – Os Múltiplos Saberes na Sala de Aula, acontecerá na Escola municipal Vereador Américo dos Santos, na rua Voltaire, s/nº, no bairro de Banco de Areia.

Na ocasião serão apresentadas práticas de Alfabetização e Letramento e Matemática desenvolvidas pelos professores das séries iniciais concluintes do curso de formação continuada. Podem participar do seminário (no contraturno de trabalho) os coordenadores do Programa Mais Educação, monitores das oficinas de acompanhamento pedagógico (letramento e matemática) e demais professores que atuem em turmas de 1º ao 5º ano de escolaridade. As inscrições serão feitas no local. Mais informações pelo telefone 3763-9701.


Servidores de Mesquita participam de seminário sobre Mobilidade Urbana

FOTOS: LUIZ ALAN

O Sistema Firjan em parceira com a Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP) e a prefeitura de Mesquita, encerrou hoje (6) o curso de capacitação técnica para o programa “Calçada Acessível e Mobilidade Urbana”. O evento aconteceu na sala de cinema Zelito Vianna, no Centro e reuniu funcionários de diversas secretarias, como Obras, Planejamento, Urbanismo, Meio Ambiente e Transporte.
 
Em Mesquita, o projeto, coordenado pelo arquiteto Luiz Gustavo Guimarães, foi desenvolvido em duas etapas. Na primeira fase, realizada no último dia 23 de novembro, os participantes tiveram um workshop prático de capacitação, aonde percorreram as principais vias do centro de Mesquita e visitaram prédios públicos para uma análise de área, com objetivo de detectar as principais barreiras encontradas no dia a dia dos cadeirantes, deficientes físicos e visuais. Hoje, na segunda etapa do projeto aconteceram as aulas teóricas com palestras sobre: “As pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida”, Exclusão espacial e desvantagens”, “Acessibilidade e Desenho Universal”, Barreiras de Acessibilidade e Experiência Ambiental”, entre outros temas.
O programa “Calçada Acessível e Mobilidade Urbana” é realizado pela Firjan em todos os municípios da Região metropolitana que englobam a Regional I / Baixada Fluminense da Firjan (Mangaratiba, Itaguaí, Seropédica, Queimados, Japeri, Mesquita, Nova Iguaçu, Nilópolis e Paracambi) e é dividido em várias etapas. Em Mesquita, 8º cidade a receber o programa, a terceira fase será a elaboração de uma cartilha informativa para gestores públicos sobre como projetar uma cidade acessível. Segundo o coordenador do projeto a previsão é de que a cartilha fique pronta em janeiro de 2012. “O objetivo principal desse programa é sensibilizar o poder público para a importância de projetar uma cidade nos moldes e normas corretas de acessibilidade, garantindo assim, acesso livre não só para deficientes, como para a população em geral”, afirma Luiz Gustavo.

Obras do Pac 2 beneficiará moradores da Caixa D’água em Mesquita


O prefeito de Mesquita, Artur Messias e o secretário de obras da cidade e vice-prefeito, Paulinho Paixão, participaram hoje (5) de uma reunião com representantes da Caixa Econômica Federal para finalizar os últimos ajustes para assinatura oficial do Termo de Compromisso para a realização das obras do PAC2 (Programa de Aceleração do Crescimento), no bairro da Caixa D’água. O encontro aconteceu na sede da Prefeitura, no Centro e contou também com a presença do gerente geral da Caixa Econômica de Mesquita, Marcelo Couto e Aline Ribeiro, supervisora administrativa da Caixa na agência de Mesquita.

De acordo com Artur Messias, as obras do PAC 2 no bairro Caixa D’água terão um investimento de R$ 24,662 milhões para intervenções nas áreas de saneamento, drenagem, pavimentação e nas obras de sustentação das encostas dos morros da região. “Esse é um dos maiores investimentos em termos habitacionais já realizados em Mesquita. Através do PAC 2 vamos acabar de vez com os problemas de enchentes e alagamentos enfrentados pelos moradores daquela região. Há alguns meses estamos preparando esse projeto detalhadamente. A assinatura do Termo de Compromisso e a abertura da licitação fechará esse ciclo para que o início dos trabalhos seja feito o quanto antes”, garante o prefeito.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Mesquita forma 69 alunos em cursos profissionalizantes


Fotos: Clara Paixão


 
À tarde desta quinta-feira, dia 1 de dezembro, foi de festa para alunos do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) da Chatuba. A Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho de Mesquita promoveu a formatura de 69 alunos das oficinas profissionalizantes de artesanato, cabeleireiro e manicure.

A formatura aconteceu na Comunidade São Francisco de Assis, no bairro da Chatuba e contou com a participação da secretaria da Semas, Márcia Brandão, coordenadora do Cras da Chatuba Selma Rocha e de parte da equipe da Semas. O curso teve duração de quatro meses e todos receberão certificados de conclusão.

A grande surpresa da formatura foi o desfile produzido pelos alunos, com peças artesanais feita durante as aulas “As roupas e acessórios utilizados no desfile foram feitos de materiais recicláveis. Com isso promovemos a integração de todos os alunos dos cursos para a apresentação de um belo trabalho”, afirmou a coordenadora Selma.

Para a secretaria Márcia Brandão é sempre muito emocionante participar de mais uma formatura. “O nosso desafio é abrir oportunidades para a população. Precisamos investir no ser humano, ver esses formandos neste momento de alegria e uma grande conquista para a Semas”, disse ela.

A formanda Carolina Araujo, moradora da Chatuba, estava feliz com a conquista de se tornar uma cabeleireira. “Foi uma grande oportunidade, já estou trabalhando em minha casa. Meu sonho é ter meu próprio salão de beleza”, disse a jovem.



Vestido feito com jornal



Vestido feito de fuxico com retalhos de pano e plástico

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Mesquita participa de seminário estadual de Assistência Social

A prefeitura de Mesquita, através da Secretaria de Assistência Social e Trabalho (Semas) participou do Seminário Estadual de Assistência Social, que aconteceu no último dia 24 de novembro no auditório da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e reuniu prefeituras de diversos municípios.


O tema do seminário foi “O trabalho do Assistente Social no SUAS: impasses e possibilidades”, retratando a experiência de vários municípios da Baixada Fluminense com relação à Política de Assistência Social.

Na ocasião, o município de Mesquita, representando pelo assistente social Anderson Carvalho e pela coordenadora dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Selma Regina Pinto da Rocha, apresentou na mesa de debates as experiências de projetos desenvolvidos pelo Cras Chatuba e os principais equipamentos, programas e projetos da Semas, como oficinas de geração de trabalho e renda; reuniões sócio-educativas mensais com as famílias atendidas pelo Cras. “Mesquita desenvolve diversos projetos como os encontros de mobilização dos técnicos para a realização da 5º conferência de Assistência Social, ocorrida neste ano. Além disso, procuramos estimular participação dos usuários”, disse Anderson Social.
 
 
 
                                                               Foto: Divulgação

Mesquita forma 55 alunos no Cras de Jacutinga


A Secretaria de Assistência Social e Trabalho de Mesquita (Semas), realizou nesta terça-feira, dia 29, a formatura de 55 alunos dos cursos de confeitaria, manicure e bijuteria no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Jacutinga.

O evento contou com a presença da secretária da Semas, Márcia Brandão, da coordenadora do Cras de Jacutinga, Luciana Manoel, do presidente da câmara, vereador, André Taffarel, dos professores e também familiares dos formandos. Para a secretária Márcia, este trabalho realizado tende a ser cada vez melhor. “O cras se propõe a abrir as portas. Para dar oportunidade aos formandos estamos fazendo contato com empresas como Habib's, Pão de Açúcar e outras que futuramente poderão contratar nossos formandos.” afirma.

Cremilda Augusto Mesquita, aluna do curso de confeitaria, não conseguiu esconder a alegria de ter conseguido se formar no curso. Sua alegria foi tão grande, que junto com seu esposo e seus três filhos, ela prestou uma linda homenagem para todos os formandos, que assim como ela, não desistiram de continuar.

Cremilda Augusto Mesquita, aluna do curso de confeitaria

                                      Vereador André Taffarel e secretária da Semas, Márcia Brandão

Fotos: Clara Paixão

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Mesquita forma 110 alunos no Programa Brasil Alfabetizado

Fotos: Semed


A Secretaria Municipal de Educação (Semed), em parceria com o Ministério da Educação (MEC), realiza nesta quarta-fera, dia 30, a formatura de 110 alunos do Programa Brasil Alfabetizado. A formatura acontece às 19h, no auditório da escola Municipal Rotariano Arthur Silva, que fica na Rua Paraná, nº 443, Centro.

O Programa Brasil Alfabetizado tem como proposta alfabetizar jovens a partir de 15 anos, adultos e idosos que tiveram direito ao acesso ou permanência a educação básica na idade adequada, previsto no artigo 208 da Constituição Federal, que garante o direito ao Ensino Fundamental em todas faixas etárias.

O programa foi iniciado em Mesquita em 2006 e conta com alfabetizadores populares que cadastram os alunos, ministram as aulas durante oito meses e encaminham os já alfabetizados para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) no município. Além disso, o programa possibilita a acessibilidade ao letramento, ajuda os alfabetizados a vencerem a barreira do preconceito do analfabetismo, resgata a cidadania e contribui para a inclusão destas pessoas na sociedade.

De acordo com a gestora do projeto em Mesquita, a professora Elisângela Bernardes, “o trabalho desenvolvido pelas alfabetizadoras tem uma grande contribuição na mobilização de pessoas humildes que, apesar da idade avançada, não medem esforços para garantir o seu direito à educação e à cidadania”, destaca Elisângela.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Alunos de Mesquita estudam música como matéria obrigatória



 
As matérias como português, matemática, história e geografia ganharam mais uma aliada. Agora, os alunos da rede municipal de Mesquita já possuem o ensino de música entre as disciplinas obrigatórias. O desafio que foi lançado através da lei 11.769/2008, determinando o ensino de música na educação básica, vem sido cumprido de forma pioneira na cidade.

FOTOS SEMED

Em 2010 a prefeitura realizou um concurso público específico para professores com formação em Educação Musical, fazendo de Mesquita a primeira cidade da Baixada Fluminense a cumprir a lei do Ministério da Educação (MEC). Já foram convocados 11 profissionais, que estão ministrando suas aulas em nove escolas municipais. De acordo com a secretaria de Educação (Semed), de forma gradativa, todas as 32 escolas da prefeitura receberão a disciplina nos próximos anos.

O que inicialmente parecia um “bicho de sete cabeças”, se tornou motivo de orgulho para a Escola Estadual Municipalizada Santos Dumont, no bairro Banco de Areia. As aulas na unidade tiveram início de forma experimental em novembro de 2010, e hoje, todos os 306 alunos matriculados na escola recebem aulas de música, uma vez por semana. Eles estão aprendendo a tocar flauta doce e percussão, através do desenvolvimento da musicalidade durante as aulas. A escola possui 200 flautas e uma banda rítmica, contendo instrumentos como triângulo, chocalho, pratos e tambores. “As aulas foram muito bem recebidas. Tínhamos receio dos alunos não terem interesse na disciplina, mas foi o contrário. Todos adoram”, afirma a professora de música, Alice Bellizzi.

E o interesse dos alunos foi tão grande que foi preciso estender as aulas. Duas novas turmas foram criadas na escola para atender a demanda dos mais empolgados. Nas aulas de extensão, os alunos participam de um coral, onde realizam exercícios vocais de afinação e aprendem canto em conjunto e técnicas vocais. “O coral ensaia sempre após o término das aulas. É impressionante a dedicação desses alunos”, diz Camila Mariane, diretora da escola, que também enfatiza a participação dos pais. “Muitos compraram instrumentos para seus filhos continuarem praticando em casa. O incentivo e aprovação dos responsáveis soma muito ao nosso trabalho”, conclui ela.

De acordo com Diana Ítala, mãe de uma aluna do 4º ano, o ensino de música deixou sua filha mais comunicativa. “A Mariana é tímida, mas sei que isso é uma barreira para ela. Quando ela está tocando, vejo que se sente bem. Ela está usando a música para romper a barreira da timidez. Por isso, a matriculei em aulas de violão e teclado para que ela possa se desenvolver ainda mais”, comenta.

Agora a Escola E.M. Santos Dumont espera anciosa pela aquisição dos equipamentos que conquistou através do projeto social “Doe um Instrumento”, promovido pelo Rock in Rio. “Eu inscrevi a escola e foi uma grande alegria saber que fomos contemplados. Não sei o que vamos receber nem a quantidade exata, mas certamente, será muito bem utilizado”, destaca Camila Mariane.

A secretária da Semed, Maria Fatima de Souza, disse que oferecer o ensino de Música aos alunos do 6º ao 9º ano e expandir este conhecimento aos estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, nos credencia a uma perspectiva de educação geral.“Sempre foi a minha intenção realizar um concurso público para o ensino de Artes com habilitação diferenciada. E o prefeito Artur Messias incentivou esta realização e nos deu todo o apoio para que a iniciativa se concretizasse”, finalizou a secretária.



Mesquita encerra curso de Pró Letramento


A Prefeitura de Mesquita, através da Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o Governo Federal, realiza no próximo dia 28, o Seminário de Encerramento do Curso Pró-Letramento de Alfabetização e Linguagem e Matemática, da turma de 2011. O evento acontece no auditório da Escola Municipal Dr. Deoclécio Dias Machado Filho, que fica na Rua Carlos Frahia, nº 101, no bairro Cosmorama.

O seminário será promovido nos turnos da manhã e tarde, às 7h30 e depois às 13h. Cerca de 40 professores que participaram do curso, receberão os certificados de conclusão. Os cursos de formação continuada são oferecidos pelo programa através da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O curso Pró-Letramento teve a duração de 120 horas, com encontros presenciais e atividades individuais, com duração de nove meses.

O “Pró-Letramento: Mobilização pela Qualidade da Educação” é um programa de formação continuada para melhoria da qualidade de aprendizagem da leitura, escrita e matemática. O programa é realizado pelo Ministério da Educação (MEC), em parceria com universidades que integram a Rede Nacional de Formação Continuada, e com adesão dos estados e municípios. Aproximadamente 182 professores da rede municipal de Mesquita já se formaram na atividade.

Escola Aberta declara guerra contra a dengue em Mesquita

IMAGEM DIVULGAÇÃO

A Secretaria Municipal de Educação de Mesquita (Semed), promove no próximo sábado, dia 26, o Escola Aberta Contra a Dengue. O evento acontece a partir das 9h, na Praça Brasil Roque da Paraíba, na Coréia.

A ação vai reunir alunos de 11 unidades escolares do município, que poderão conferir apresentações culturais de dança, capoeira, taekwondo, contação de historias e exposição de artesanatos de materiais recicláveis. O evento também contará com a participação da Secretaria Municipal de Saúde de Mesquita (Semus), orientando a população sobre os cuidados necessários para se evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti.

O Programa Escola Aberta visa à inclusão dos cidadãos nas várias atividades promovidas pela prefeitura que, através de parcerias com o Ministério da Educação, Ministério do Esporte, Ministério da Cultura e a UNESCO, promovem a integração entre escola e comunidade, para melhorar a formação dos indivíduos.

Segundo a professora e interlocutora do Programa Escola Aberta em Mesquita, Inês Oliveira, o evento tem a função de conscientizar a comunidade. “Nosso objetivo é integrar escola com a população, incentivando todos a adotarem medidas de combate ao mosquito da dengue, através das atividades que iremos propor no evento”, afirma.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Escola municipal de Mesquita promove aulão de artesanato natalino


O Natal já chegou em Mesquita. A Escola Municipal Machado de Assis, localizada na Avenida União, nº543, em Santa Terezinha, realiza na próxima terça-feira, dia 29, um grande aulão de artesanato natalino.
Todos os 630 alunos dos turnos da manhã, tarde e noite (Educação de Jovens e Adultos – EJA), terão um dia de aula exclusivo para a confecção de enfeites. A produção será feita, principalmente, com materiais recicláveis como caixas de ovos, leite, garrafas pet, coador de café, revistas e jornais velhos. “Estamos pedindo para que todos os alunos tragam de suas casas a matéria prima. Nosso objetivo é proporcionar um dia de confraternização entre os alunos e estimular a criatividade deles”, explica a diretora da escola, Aline Ribeiro.
Os alunos irão fazer árvores de natal, guirlandas, cartões, além de enfeitarem os murais da escola. Todos os professores participarão da atividade. A equipe de artesãs que oferece oficinas de artesanato aos sábados na unidade, através do Programa Escola Aberta, foi convidada pela direção da unidade para participar do aulão. “Essas oficineiras são verdadeiras artistas. Fazem peças lindíssimas. Tenho certeza que ensinarão belos enfeites aos alunos”, concluiu Aline Ribeiro.


Mesquita reúne dezenas de bandas em show de rock

Mesquita vai virar a cidade do rock. No dia 10 de dezembro (sábado), mais de 10 bandas se apresentam no espaço da Lona Cultural Romildo Souza Bastos, localizada na Avenida das Oliveiras, nº537, no bairro BNH.

O evento que é organizado através da secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Semctel), terá início às 15h e contará com dois palcos. O show principal ficará por conta da banda carioca “Skore”, conhecida no mercado fonográfico por fazer um estilo alternativo com influências do 'hardcore punk', através de pegadas agressivas e batidas rápidas.

As bandas Aspas, Out Profile, Dupla de 7, Obssexion, Blame Out, DZP, Daybreak, Expresso Aurora, Stat-k e Guaximello também se apresentam. Os ingressos custam R$10 antecipados e R$20 na hora do show.



Mesquita promove fórum regional sobre saúde mental

Foi realizado hoje (24), em Mesquita, mais uma reunião com os membros do Fórum Regional de Saúde Metal da Metropolitana I do Estado do Rio de Janeiro, que engloba os municípios de Mesquita, Nova Iguaçu, Nilópolis, São João de Meriti, Belford Roxo, Duque de Caxias, Queimados e Seropédica.

O encontro, realizado na Sala de Cinema Zelito Viana, na sede da Prefeitura, reuniu cerca de 50 pessoas, entre representantes das cidades da Metro I, a coordenadora do programa de Saúde Mental de Mesquita, Cátia Cristina Lima, representantes do Governo do Estrado, entre outros.
Entre as principais temáticas debatidas durante a reunião, realizada uma vez por mês em cada um dos municípios participantes, está à criação de mecanismos para viabilizar a retirada de pacientes mentais internados há mais de um ano em hospitais. “A proposta é encaminhar esses pacientes internados em longa data para moradias assistidas pelos governos municipais ou para o retorno de seus familiares. Através dessas reuniões são debatidas e criadas novas ações através de troca de experiências intermunicipais”, afirma a coordenadora de Mesquita.

O município possui hoje três equipamentos públicos que atendem pacientes com problemas mentais, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) para adultos, o Caps para tratamento de álcool e drogas e o Ambulatório de Saúde Mental. Atualmente, segundo dados do Programa Municipal de Saude Mental, existem seis pacientes de longa duração (internados há mais de um ano) em hospitais públicos do Estado.



Mesquita realiza workshop em parceira com a Firjan e ABCP


FOTOS: LUIZ ALAN


Analisar, projetar e concretizar projetos de acessibilidade urbana para ruas e calçadas. Esse é o objetivo do programa de calçada acessível Mobilidade Urbana, que está sendo aplicado em Mesquita pela Firjan e pela Associação Brasileira de Cimento Portland (ABCP) em parceira com a prefeitura de Mesquita.

A segunda etapa do projeto na cidade começou hoje (23) com a realização de um workshop de capacitação técnica para secretários pastas de Obra, Planejamento, Urbanismo, Meio Ambiente e Transporte e suas equipes técnicas. Sob a orientação do arquiteto e coordenador do projeto, Luiz Gustavo Guimarães, os participantes percorreram as principais vias do centro de Mesquita e visitaram prédios públicos para uma análise de área com objetivo de detectar as barreiras encontradas no dia a dia por cadeirantes e deficientes físicos e visuais. “Nossa meta é despertar no poder público a importância de projetar uma cidade acessível nos moldes e normas corretas de acessibilidade, não só para os deficientes, mas para toda população. Desde 2010, quando iniciamos esse programa, estamos apresentando essas propostas as cidades abrangidas pela Firjan com sucesso e grande aceitação. Mesquita será a 8º cidade a receber o programa e acreditamos que aqui não será diferente”, garante o coordenador. Mesquita faz parte da Regional I / Baixada Fluminense da Firjan que engloba também os municípios de Mangaratiba, Itaguaí, Seropédica, Queimados, Japeri, Nova Iguaçu, Nilópolis e Paracambi.

Amanhã (24), segundo e último dia desta etapa acontecem à parte teórica com palestras sobre: “As pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida”, Exclusão espacial e desvantagens”, “Acessibilidade e Desenho Universal”, Barreiras de Acessibilidade e Experiência Ambiental”, entre outros temas. Após essa fase o programa prevê outras cinco. A próxima será a criação de uma Cartilha de Calçadas, com informações técnicas sobre como implementar corretamente projetos de acessibilidade em calçadas públicas. Para o prefeito Artur Messias esse projeto é fundamental para que Mesquita se ajuste de vez as normas de acessibilidade. “Para esse tipo de obra especial não basta apenas o poder público ter boa vontade, é importante todo um conhecimento técnico. Grande parte dos nossos equipamentos públicos já estão sendo reformados e adaptados para deficientes físicos de acordo com as normas. O Paço Municipal, que está em fase final de construção, é um grande exemplo. Ele e a sede da prefeitura foram totalmente adaptados para receber cadeirantes e deficientes visuais. Agora contamos com mais essa parceria para ampliar ainda mais nossas ações voltadas para área de acessibilidade”, afirma o prefeito.



terça-feira, 22 de novembro de 2011

Pré-matrícula nas escolas de Mesquita será feita pela Internet


A Secretaria municipal de Educação de Mesquita (Semed), iniciará a partir do dia 23 de novembro, a pré-matrícula na rede municipal de ensino para o ano letivo de 2012 em todas as suas 32 unidades escolares. As inscrições só poderão ser feitas através do site www.matriculamesquita.com.br ou no próprio portal da prefeitura www.mesquita.rj.gov.br

Essa é primeira vez que o município adota o sistema de pré-matrícula totalmente informatizado. “Disponibilizamos a pré-matrícula pela internet para que tanto as escolas como os responsáveis tenham um melhor acesso a este serviço para o ano de 2012. O governo tem investido de uma forma muito presente na informatização da gestão escolar”, disse a secretária de Educação, Maria Fátima de Souza, ressaltando. “Além da pré-matrícula, todos os alunos da rede terão identidade eletrônica. Consideramos, dessa forma, que Mesquita esta entrando nos tempos da modernização administrativa, com maior acessibilidade à população”, concluiu a secretária.

O processo de pré-matrícula acontecerá até o dia 16 de dezembro de 2011 e é destinado apenas a novos alunos nas unidades escolares de Educação Infantil (com idades de quatro meses a cinco anos e 11 meses), para o 1º e 6º anos do Ensino Fundamental e para as 1º e 5º fases da Educação de Jovens e Adultos (idade mínima de 15 anos).

Quem não tiver acesso a Internet pode a prefeitura disponibilizou uma rede de computadores com três pontos de apoio para a realização da pré-matrícula: Telecentro Casa Brasil (Praça da Revolução s/nº, Edson Passos), Telecentro Tênis Clube de Mesquita (Rua Artur de Olveira Vecchi s/nº, Centro) e Telecentro CRAS Jacutinga (Rua Delfina Borges, 552, Jacutinga).

O resultado da pré-matrícula 2012 será divulgado no dia 26 de dezembro nos sites (www.matriculamesquita.com.br e www.mesquita.rj.gov.br). A distribuição das vagas será feita observando-se a disponibilidade física de cada escola e as prioridades existentes na portaria, tais como: preferência à pessoa com necessidades especiais, alunos pertencentes a famílias beneficiadas com o Programa Bolsa Família, residência próxima à escola, crianças com irmãos na unidade escolar. É de total responsabilidade do aluno e dos seus responsáveis (caso o aluno seja menor) tomarem conhecimento do resultado da Pré-Matrícula.

Para a realização da matrícula na escola é preciso levar os seguintes documentos: Cópia de certidão de registro civil ou cédula de identidade, com os respectivos originais para conferência, três fotos 3 x 4, histórico escolar ou declaração de conclusão de curso, Comprovante de residência atualizado, Fator RH, Cartão de vacinação atualizado, RG e CPF dos responsáveis e CPF do aluno (quando houver). Mais informações pelos telefones 3763-9701.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Mesquita terá cotas para negros e indígenas em concursos públicos

FOTO: LUIZ ALAN

A luta pela igualdade racial em Mesquita ganha mais uma conquista. O Prefeito da cidade, Artur Messias, autorizou o decreto de lei que garante a candidatos negros e indígenas 20% de cotas de vagas em concursos públicos no município. A publicação foi feita hoje (21) no diário oficial do município e passará a valer para os próximos concursos no município.
De acordo com o coordenador da Coordenadoria de Promoção à Igualdade Racial de Mesquita (Compir), Alexandre do Nascimento, a conquista é um passo importante para o desenvolvimento de políticas públicas voltados para valorização racial. “Essa é uma luta de muitos anos. O sistema de cotas é adotado por grande parte dos municípios brasileiros e é um direito garantido por lei. Com a cota, a cada cinco pessoas aprovadas em qualquer concurso público em Mesquita, uma terá que ser negra ou de descendência indígena”, afirma Alexandre.
Para comemorar a aprovação do decreto e o Dia da Consciência Negra – celebrado no dia 20 de novembro -, uma grande festa foi realizada no último sábado, reunindo mais de 100 pessoas na sede da Associação Caboverdeana de Mesquita, no bairro de Maria. A ocasião comemorou também o 50º aniversário da associação e o lançamento da campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra mulher, projeto desenvolvido pela Coordenadoria Municipal dos Direitos da Mulher de Mesquita (Comdim), parceira da Compir, órgão ligado a Secretaria de Mobilização Social e Integração Governamental (Semosig).
Durante o evento, que contou com a presença do cônsul de Cabo Verde no Brasil, Luis Sales, o conselheiro de Cabo Verde, Pedro Antônio, o secretário da Semosig, Jessé Dutra, além de militantes do movimento negro de Mesquita, entre outras autoridades, foram realizadas diversas atividades culturais e apresentações artísticas, show com o grupo de dança Caboverdeana, o grupo de reggae, Anncesthrays, Teresa Onan, entre outros.

Alunos mesquitenses concluem curso de resistência às drogas

FOTOS: SEMED/ DIVULGAÇÃO


Cerca de 470 alunos da rede municipal de ensino de Mesquita se formam nesta quarta-feira, dia 23, no Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), promovido pela Polícia Militar do Rio de Janeiro. O projeto é uma parceria com a secretaria Municipal de Educação (Semed), e é desenvolvido em Mesquita desde 2005.
A formatura será às 9h, no espaço do Tênis Clube de Mesquita, que fica na Avenida União, s/nº, Centro. O curso foi ministrado por policiais que trabalham com a auto-estima e instruem sobre as causas que levam o indivíduo ao uso de substâncias tóxicas e suas consequências. Participaram do projeto neste semestre alunos das Escolas Municipais Presidente Castelo Branco, Santos Dumont, Machado de Assis e Dr. Manoel Reis.

O Proerd é aplicado nas escolas da rede de ensino público e privado, oferecendo atividades educacionais em sala de aula, que inserem conceitos sobre a necessidade de desenvolver potencialidades, ajudando a preparar crianças e adolescentes para o futuro, através de uma geração consciente do exercício de sua cidadania.



sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Artur Messias e Sérgio Cabral entregam 144 apartamentos na Chatuba


 
FOTOS LUIZ ALAN

A prefeitura de Mesquita foi palco hoje, dia 17 de novembro, da entrega oficial de 144 apartamentos para famílias carentes retiradas das margens do Rio Sarapuí, em Mesquita. A construção do Empreendimento Roldão Gonçalves foi através do Programa Nossa Terra – PAC Projeto Iguaçu que desde 2007 realiza obras de dragagem dos rios Botas, Sarapuí e Iguaçu, para acabar com os alagamentos provocado pelas fortes chuvas.

O evento teve início na sala Popular de Cinema Zelito Viana, na sede da prefeitura, com o seminário de apresentação das novas diretrizes do Programa Minha Casa Minha Vida 2, onde 48 municípios do Estado do Rio de Janeiro assinaram o termo de adesão ao projeto. A cerimônia foi liderada pelo prefeito Artur Messias, e contou com a presença do vice-prefeito Paulo Paixão; a superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Nelma Tavares, o presidente da Câmara de Vereadores de Mesquita, André Taffarel, o prefeito de Nova Friburgo, Sergio Xavier, e da diretora do departamento de produção habitacional da secretaria Nacional de Habitação do Ministério das Cidades, Maria do Carmo Avesani, que apresentou as estratégias de implementação do Programa Minha Casa Minha Vida aos participantes.

Após a palestra, os apartamentos foram entregues para as famílias, com a presença do Ministro das Cidades, Mário Negromonte, que representou a presidenta Dilma Rousseff; governador do Estado do Rio e seu vice, Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão, respectivamente; a presidenta do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Marilene Ramos; o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc; o secretário Estadual de Habitação, Rafael Picciani; o deputado estadual Zaqueu Teixeira, além dos prefeitos e representantes das cidades de Angra dos Reis, Búzios, Araruama, Arraial do Cabo, Barra do Piraí, Barra Mansa, Belford Roxo, Cabo Frio, Cachoeiras de Macabu, Duque de Caxias, Guapimirim, Iguaba Grande, Itaboraí, Itaguaí, Itaperuna, Japeri, Macaé, Magé, Mangaratiba, Maricá, Nilópolis, Niterói, Nova Friburgo, Nova Iguaçu, Paracambi, Paraty, Petrópolis, Pinheiral, Piraí, Queimados, Resende, Rio Bonito, Rio das Ostras, São Gonçalo, São João da Barra, São João de Meriti, São Pedro da Aldeia, Saquarema, Seropédica, Tanguá, Teresópolis, Três Rios, Valença e Volta Redonda.

Todos os novos moradores do Empreendimento Roldão Gonçalves acompanharam a entrega das chaves e escrituras, assim como Daniele Pinto, beneficiada com o apartamento 404, do bloco 5. Junto com seus cinco filhos e marido, eles não veem a hora de se mudar. “Antes eu não dormia pois, vivia em uma casa condenada pela Defesa Civil na beira do rio. Hoje é um dia de glória. Estou feliz demais pois ganhei uma casa próximo ao Centro da cidade, segura e confortável. Agora meus filhos não terão mais problemas de doença de pele, como era comum antigamente”, comenta.

O prefeito Artur Messias comemorou a possibilidade de erradicar as enchentes no seu município. “A retirada das famílias ribeirinhas possibilita a dragagem dos rios. Com as margens desobstruídas, através do Projeto Iguaçu, a água dos rios deixa de entrar nas residências”, destacou Artur Messias. Já o governador Sérgio Cabral anunciou as futuras conquistas do programa. “Com o Minha Casa Minha Vida 2, serão mais dois milhões de novas residências em todo Brasil, onde o Rio de Janeiro será beneficiado com 76 mil unidades fora da capital. Certamente, estamos presenciando aqui uma verdadeira transformação social”, conclui.

Mesquita na luta pela inclusão de pessoas com deficiência no trabalho e consumo

FOTOS LUIZ ALAN

Depois de uma semana de palestras e debates com empresários e comerciantes dos principais centros comerciais de Mesquita sobre a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, a Coordenadoria dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Cordef), órgão ligado a Prefeitura de Mesquita, encerrou hoje (18) a campanha “Nós Podemos - Inclusão das pessoas com deficiência no trabalho e consumo”.

A cerimônia de encerramento aconteceu na Sala de Cinema Zelito Vianna, na sede da prefeitura e reuniu comerciantes e empresários da região, como o diretor presidente da Gráfica Universo Digital, Luiz Paiva, Simone Souza, representante da empresa Simetria RH, a coordenadora da Cordef, Neide Aparecida, além de representantes e estudantes da Uniabel, entre outros.

De acordo com Neide Aparecida, entre as principais conquistas obtidas nessa primeira etapa da campanha, que teve inicio último dia 8, está à ampliação da conscientização sobre como melhorar os estabelecimentos para receber os deficientes como consumidores. “Durante essa semana visitamos centros comerciais de 13 bairros de Mesquita e percebemos que ainda existe muito preconceito em ouvir a voz do deficiente. Mas é importante destacar que demos um grande passo. A primeira etapa da campanha se encerra hoje, mas nossa luta continua. Nosso conselho irá avaliar todas as questões para aplicar na prática todas as propostas debatidas durante essa última semana”, afirma a coordenadora da Cordef.

A empresa Universo Digital, com sede em Mesquita, é uma das pioneiras a aderir à campanha. Através da parceira com a Corderf, a empresa está adaptando seu parque gráfico, com banheiros e área de alimentação no primeiro piso para atender consumidores portadores de deficiência e também dois funcionários cadeirantes que serão contratados pela gráfica nos próximos meses. “Eles são pessoas eficientes e não deficientes. A Universo Digital está apenas fazendo sua função como empresa, que é oferecer condições para seus funcionários, sejam eles cadeirantes ou não. Estamos à disposição e abraçamos essa causa com orgulho”, garante Luiz Paiva.

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Mesquita inaugura Cras em Santa Terezinha

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Trabalho vai inaugurar no próximo dia 19, às 10h, a nova unidade do Centro de Referência e Assistência Social de Santa Terezinha (Cras). O Cras fica localizado na Avenida União, nº 131 Loja, no bairro de Santa Terezinha.

O novo Cras tem capacidade para atender em média 360 famílias. O Cras de Santa Terezinha é a 7ª unidade do Centro Referência de Assistência Social, em funcionamento em Mesquita. No local são desenvolvidas as ações do Programa de Atendimento Integral à Família (PAIF), buscando coordenar a rede de serviços socioassistenciais e integrar o atendimento com outras políticas sociais. As outras seis unidades do Cras de Mesquita, estão localizadas nos bairros de Banco de Areia, Edson Passos, Chatuba, Jacutinga, Juscelino, e Rocha Sobrinho, todos sob responsabilidade e administração da SEMAS. Juntos os Cras atendem cerca de 2.200 famílias Mesquitenses.


Na inauguração também será promovido um Evento Social, onde serão oferecidos serviços de Emissão de Documentos; Higiene Bucal; Aferição de pressão; Avaliação Postural e da Coluna; Limpeza de Pele; Orientação sobre o programa Bolsa Família; Exposição de Artesanatos e Artigos da Economia Solidária, atividades culturais e oficinas do programa Escola Aberta.

Além dos serviços a comunidade poderá participar da campanha 10 minutos Contra a Dengue, no local serão entregues panfletos explicativos e haverá recolhimento de pneus. A campanha é uma estratégia de controle ao Aedes Aegypti, que busca conscientizar a população sobre ações semanais dentro de suas residências, que em apenas 10 minutos, contribuem para limpeza dos principais criadouros do mosquito.